domingo, 2 de setembro de 2007

Andréa Dória


Às vezes parecia que era só improvisar
E o mundo então seria um livro aberto,
Até chegar o dia em que tentamos ter demais,
Vendendo fácil o que não tinha preço.

Eu sei - é tudo sem sentido.
Quero ter alguém com quem conversar,
Alguém que depois não use o que eu disse
Contra mim.

2 comentários:

Pedro Pan disse...

, há de encontrar quem não use suas palavras contra você...
, beijos meus.

Doce disse...

to aqui ó!

;*